Escola Vida/ junho 20, 2018/ Notícias, Sem categoria

 

Explorando o IFFar:
Mergulhando em um estudo diferente

No dia 08 de junho, chegamos bem cedinho na Escola Vida, rumo ao Instituto Federal Farroupilha – Campus Alegrete (IFFar). Dentro do ônibus, nós, das turmas do 4º e 5º Ano, sentamos em duplas, conversamos, brincamos e nos divertimos muito.
Chegando lá, fomos recepcionados pela mãe do Pedro Morin, a psicóloga Lisiane, que nos guiou até o auditório para nos explicar a respeito do lugar junto com os monitores e professores Aires Dorneles, Elton Medeiros e Maurício Gomes. Eles conversaram conosco sobre as regras, nos dividiram em dois grupos e nos levaram até alguns laboratórios.
O grupo do 5º Ano visitou um prédio à direita, onde ficava o Laboratório de Microbiologia, enquanto o 4º Ano visitou um prédio à esquerda, o de Anatomia Animal.

Nossas turmas visitaram todos os laboratórios. No de Microbiologia, encontramos a bióloga Daiane Senhor, responsável por nos apresentar o Laboratório. Ela nos mostrou o que cada microscópio tinha: células (musculares), bactérias, fungos e células de plantas (cebola). Também nos contou que não conseguiu amostras de protozoários por conta do clima e da sua locomoção.
Neste lugar, pudemos descobrir a diferença entre cada uma das células dos seres vivos, o que era uma câmara de armazenamento e uma câmara de esterilização. Aprendemos que Laboratórios com risco de queimadura ou contaminação devem possuir um chuveiro de emergência, para os olhos e para o corpo, que é de fácil acesso para o caso de emergências.
No Laboratório de Anatomia Animal, observamos animais empalhados e esqueletos. Explicaram-nos a diferença entre os equinos e bovinos, o processo de empalhamento dos animais, ou seja, a taxidermia. Também nos contaram que, por uma questão legal, não podiam pegar animais de qualquer lugar – os que estavam lá foram solicitados através de um Projeto de recolhimento de animais atropelados ou que morreram eletrocutados.
Em outra sala, dentro deste Laboratório, havia órgãos de animais e alguns bichos menores dentro de recipientes. Recebemos uma explicação sobre a classificação taxonômica dos animais e sobre as diferenças entre a cobra coral verdadeira e a falsa.
No Laboratório de Classificação de Grãos, vimos lupas gigantes e bancadas azuis, que ajudavam a ver os grãos para classificá-los. Ele nos explicou sobre as pragas que ficavam nos grãos, nos mostrando um insetário feito pelo grupo de Biologia, para conferirmos algumas destas espécies que afetavam as plantações.
Em outro Laboratório de Análise de Grãos, nos mostraram plantas e grãos germinando em cima de um papel muito diferente. Também vimos um encenador de estações, para simular o plantio em diferentes estações do ano. Fomos questionados sobre as plantas e ganhamos algumas amostras do papel para germinar sementes.
Depois de muito estudo, fomos para uma sala degustar alguns produtos feitos pelos alunos da Agroindústria do IFFar. O técnico agrícola, Jocelino Fontoura falou como o queijo e o iogurte foram feitos e seus benefícios para o nosso corpo, vistos através de um experimento – por exemplo, a inteligência, fortalecimentos dos ossos, regulamento do intestino, para quem possui diabetes tipo 2 e para o coração. Gostamos muito de provar estes alimentos.
No final do passeio, o 5º Ano visitou a criação de ovinos e suínos, sendo guiados pelo responsável do setor e três alunos. Vimos a maternidade, a “creche” e a ala dos jovens porquinhos. Cada espaço tinha uma finalidade.
Finalizamos nossa visita, nos dirigindo até o refeitório e encontramos um lanche delicioso nos esperando, preparado com carinho pela equipe de funcionárias.
No caminho de volta para a Escola, nós nos divertimos muito no ônibus e pensamos sobre tudo o que aprendemos naquela tarde.
Descobrimos muitas coisas novas e interessantes sobre os seres vivos. Vivemos uma experiência inesquecível! Adoramos e esperamos outros passeios como este.